CULTURA DE DJ - O Blog Magazine de Digital Djing

Notícias, Lançamentos, Reviews, Tutoriais, Entrevistas e Opiniões. Tudo sobre Controladores Midi, Software e Acessórios para Djs.

REVIEW: Dj Tech Mixer One

Posted by LUIS ALVES On 3:26 PM

DJ TECH MIXER ONE

DJ TECH MIXER ONE
Desde 2012 que o mercado de controladores modulares começou a se afirmar de forma definitiva no universo do Digital Djing. Hoje, o Cultura de Dj trás o Review de um controlador que já está no mercado há algum tempo mas, que talvez mais do que nunca, seu uso ganhe novo significado neste segundo semestre de 2013. O tempo em que estivemos com o equipamento foi bastante curto o que não nos permitiu um review mais completo. De qualquer forma, acreditamos ser relevante mostrar aos leitores mais e mais opções, para que os equipamentos de cada setup sejam cada vez mais, de acordo com as necessidades do Dj. Conheça agora a opinião do Cultura de Dj acerca deste controlador modular.

LAYOUT
O Mixer One da Dj-Tech Pro lembra à primeira vista um Traktor Kontrol Z1 com perfil mais elevado e talvez mais tradicionalista. O Layout (Design) do equipamento não foge da realidade dos mixers comuns. Ele possui dois canais físicos, enquanto permite controlo de 4 canais virtuais. Encontramos equalização de 3 bandas e controlo de gain, controlo de curva do cross fader, controlo do master e cue (pré escuta). Na zona central, podemos encontrar lugar para os eq kill (pode rever a matéria sobre a Importância do Eq. Kill aqui), função essa que gostaríamos que mais controladores oferecessem diretamente no seu design. Encontramos ainda na região inferior, os botões para seleção de canal de pré escuta, os faders de volume de cada canal, indicadores de nível iluminados e o cross fader. Na zona superior, encontramos ainda o seletor de canal A/C e B/D com uma patilha de aço que relembra equipamentos mais antigos.

DJ TECH MIXER ONE

CONSTRUÇÃO
No que diz respeito a qualidade de construção do chassis e dos componentes, o Mixer One surpreende. O corpo do controlador é todo em metal e enquanto não é leve, trás a robustez e estabilidade que falta cada vez mais na indústria modular. Se formos a analisar de forma detalhada, o Mixer One tem a construção de um mixer comum enquanto oferece a funcionalidade de um controlador midi. Os botões rotativos são de qualidade e oferecem boa aderência. Os botões "push" da zona central, são mais rígidos mas a borracha é confortável e oferecem iluminação para melhor visibilidade em ambientes escuros.

CONECTIVIDADE
No setor conectividade, temos pouco a destacar. Na traseira do equipamento, encontramos entrada DC para alimentação externa, botão seletor que nos permite alternar entre alimentação externa e alimentação por usb, a saída midi por usb e um hub de 2 entradas para conexão de outros controladores. É relevante referir, que o interface áudio integrado, consegue uma saída mais forte quando conectado à fonte de alimentação externa. Se o Dj usa apenas o Mixer One, pode usar a alimentação usb bastando mudar a posição do botão seletor. Todos os leds funcionam com a alimentação apenas por usb mas, no caso de usar as entradas do hub, torna-se necessário o uso da alimentação externa.

QUALIDADE SONORA
A interface de áudio integrada não desanima, oferece volume suficiente para grandes sistema PA sem comprometer a qualidade ou potência sonora. Sentimos de forma clara um som mais robusto quando o equipamento estava ligado com alimentação externa.

DJ TECH MIXER ONE

COMPATIBILIDADE
O Mixer One é compatível com qualquer software que permita mapeamento midi. Testamos com o Traktor Pro e a configuração foi super simples bastando baixar o ficheiro .tsi do site do fabricante. Existe também a possibilidade dele ser mapeado para qualquer tipo de funcionalidade que o dj desejar. A compatibilidade em termos de sistema operativo também não desaponta. Ele é compatível com Windows, Mac e Linux.

SETUP
Pudemos testar o Mixer One com um Traktor Kontrol X1 (Pode conferir as novidades do Traktor Kontrol X1 Mk2 aqui) e um Traktor Kontrol F1 conectados ao hub do Mixer One e o setup não apresentou qualquer problema. Todos os controladores funcionaram como esperada oferecendo controlo total sobre o Traktor Pro 2.

CONCLUSÃO
Com preço de US$169 (Dólares Americanos) ,e depois de mais de 2 anos no mercado, o Mixer One continua sendo uma excelente opção para quem gosta de outros módulos semelhantes mas, que sente falta da robustez e construção tradicional de um bom mixer em metal. A altura do Mixer One dispensa o uso de acessórios de elevação o que é também um benefício. Para aquilo que se propõe, o mixer one mostrou-se capaz e surpreendeu. Acreditamos que conseguirá encontrar o equipamento no Brasil através do seu distribuidor apenas por encomenda, pois pela pesquisa que realizamos não encontramos unidades para venda no país. Pelo seu preço competitivo para aquilo que oferece, existem várias outras opções se desejar a compra, basta pesquisar que rapidamente encontra. Com todos estes atributos ,o Mixer One nos pareceu uma opção ideal para um Dj com setup modular e, que não está preso ao "peso das marcas". A DJ-Tech tem alguns dos melhores mixers para Scratch do mercado mas, no Brasil, ainda não tem seu nome devidamente consolidado o que é uma pena.

O que achou do Mixer One da Dj-Tech Pro?
Deixe a sua opinião acerca deste artigo.






SUBSCREVA O NOSSO FEED POR E-MAIL E FIQUE POR DENTRO DE TODAS AS NOVIDADES:






CULTURA DE DJ

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...